Dr Paulino Souza Neto Vascular Surgery, Endovascular Surgery

Tratamento Cirúrgico » Arterial » Angioplastia de Carótida

Esta técnica visa realizar a dilatação da Estenose da Carótida, artéria que conduz sangue para o cérebro, melhorando sua nutrição e oxigenação, evitando a oclusão ou migração de fragmentos de coágulos ou de placas para o cérebro, mecanismo de desenvolvimento do Acidente Vascular Cerebral (AVC ? ?derrame?).
Este procedimento é minimamente invasivo, sendo realizado por cateterismo arterial através da virilha.
Um cateter é inserido e sua ponta navega até logo abaixo do estreitamento.
Realiza-se a angiografia inicial, através da injeção de contraste, para localizar o estreitamento.
Uma vez localizado, é decidido qual o melhor dispositivo a ser utilizado para a proteção cerebral.
Neste caso utilizamos um filtro guia, que age como um coador do sangue que flui para o cérebro.
Progride-se o Stent até a área do estreitamento, onde é liberado, dilatando o estreitamento.
Realiza-se a angiografia final (ao lado) para demonstrar a resolução da estenose (estreitamento), o filtr com resíduos é capturado e retirado.
Realiza-se também a angiografia cerebral após o procedimento.
Não havendo estenose residual significativa ou embolia para o cérebro, o procedimento encerra-se. 
Inicia-se o tratamento medicamentoso subsequente que deve permanecer por período variável em acordo com cada caso.

Todos os direitos reservados ®